A primeira fase do projeto passa pela atualização e ampliação dos levantamentos já existentes com o cadastramento acurado de todos os grupos musicais em atividade no país, sejam bandas, orquestras ou grupos de câmara, municipais, estaduais, comunitários ou religiosos. Estima-se que este levantamento deva alcançar entre 4 e 5 mil grupos e organizações musicais espalhados por todo o Brasil.

 

Estes grupos devidamente identificados serão conectados ao projeto e passarão a receber as ações de suporte e apoio.

Implantação

Um grande portal de informação e integração

Com a identificação dos milhares de grupos musicais espalhados pelo Brasil, o projeto se concretizará a partir da construção de um grande portal de informação e integração que irá conectar todas estas iniciativas locais, construindo uma relação permanente e online de suporte e informação, tendo como objetivo principal ajudar estes grupos nas complexas tarefas de organizar uma orquestra e contribuir para que eles aprimorem suas apresentações.

 

Será uma central completa de comunicação digital que dará todo o apoio para que, a partir dos recursos humanos e físicos de cada comunidade, os envolvidos possam liderar um movimento de expansão ou consolidação da música local.